DC Séries 

Arrow – Revelado o possível título oficial do spin-off que será centrado num grupo de heroínas

Em Setembro, o canal CW anunciou que está a preparar um spin-off de Arrow, centrado em Laurel Lance/Black Siren, Dinah Drake/Black Canary e Mia Smoak, a filha vigilante do Oliver Queen/Green Arrow.

Agora, através do Twitter, o produtor executivo Marc Guggenheim publicou um poster promocional, criado por três artistas da DC Comics, que poderá revelar o título oficial da nova série.

Segundo a imagem, a produção será chamada de Green Arrow and the Canaries.

As atrizes Katie Cassidy, Juliana Harkavy, e Katherine McNamara (Shadowhunters), serão as três protagonistas deste derivado, dando vida às mesmo personagens que encarnam na série principal.

A estação televisiva ainda não encomendou uma temporada completa, mas já deu luz verde para o desenvolvimento de um backdoor pilot, um episódio-teste que será exibido como um dos 10 capítulos da temporada final de Arrow, que encontra-se atualmente em exibição.

Green Arrow and the Canaries é a segunda possível série, ao lado da recente anunciada Superman & Lois, que poderá estrear já nos finais de 2020. Estes projetos juntam-se então ao popular universo televisivo da DC no canal CW, o chamado Arrowverse.

Este grupo de séries é atualmente composto por seis produções, sendo elas: Arrow, The Flash, Supergirl, Legends of Tomorrow, Black Lightning, e Batwoman, e estão marcadas para colidir novamente no próximo mega-crossover, intitulado de “Crisis on Infinite Earths”.

Dividido em cinco (das seis) produções, o novo evento irá começar com Supergirl (no dia 8 de Dezembro), e será seguido por Batwoman (9 de Dezembro), The Flash (10 de Dezembro), chegando então ao seu fim em Arrow e Legends of Tomorrow, ambas no dia 14 de Janeiro.

Embora Black Lightning seja a única série a não fazer parte dos episódios, o protagonista desta terá uma participação especial durante o decorrer dos cinco capítulos.

Nas BDs, “Crisis on Infinite Earths” é uma das sagas mais aclamadas da DC Comics, e foi publicada através de 12 edições entre 1985 e 1986. A história apresenta a completa destruição de todos os universos, o chamado multiverso, tal aniquilação que é da responsabilidade do Anti-Monitor, a versão malvada do extra-terrestre Monitor.

Related posts