Filmes 

Planet of the Apes – Novo filme da franquia sci-fi irá honrar a recente trilogia, garante realizador

Em entrevista ao DiscussingFilm, o realizador Wes Ball foi questionado sobre o próximo filme da franquia Planet of the Apesa ser preparado pela 20th Century Studios (da Disney).

Ball, conhecido pela adaptação cinematográfica de The Maze Runner, começou por confirmar que o desenvolvimento já está nos estágios iniciais:

“Estamos a seguir em frente e temos uma equipa gigante a trabalhar em artes conceptuais incríveis. Temos um guião a ser preparado, mas que vai levar o tempo que for preciso para que seja muito bom. Já podemos começar a produção virtual, porque será, em grande parte, um filme com muitos efeitos visuais.”, disse.

O cineasta ainda refletiu a importância dos mais recentes filmes da saga, ressaltando que é importante honrá-los: “Estes últimos três filmes completam uma das grandes trilogias que temos na história do cinema moderno. Eles são muito bem feitos (…) Caesar é um dos grandes personagens que teremos ao longo do tempo. Então como é que tu dás continuidade a isso? Ao mesmo tempo, não estava interessado em fazer uma quarto parte. Também queremos fazer uma coisa nossa. Nós temos uma abordagem. Temos uma forma de permanecer no universo que foi criado antes de nós, mas também estamos a abrir portas para fazer alguma coisa nova e realmente fixe.”

Por fim, Wes revelou que muitos dos envolvidos com a recente trilogia voltarão para a nova longa-metragem, sugerindo que a história terá uma abordagem mais para os lados de um spin-off do que uma continuação direta da saga iniciada em 2011 pelos cineastas Rupert Wyatt (The Gambler) e Matt Reeves (The Batman):

“Posso dizer para os fãs dos recentes filmes para não se preocuparem: vocês estão em boas mãos. Os argumentistas e produtores originais também estarão envolvidos. O Josh Friedman está a escrever o guião e a maioria da equipa anterior vai voltar. Sentimos-nos como parte daquela trilogia, ao mesmo tempo em que poderemos fazer algo realmente novo.”, completou.

Ainda não existe uma previsão de estreia para este novo filme.

Planeta dos Macacos (título em Portugal) foi originalmente criado em 1963 com um livro publicado pelo autor francês Pierre Boulle, acompanhando um mundo onde humanos e primatas lutam por poder. Em 1968, chegou a primeira adaptação para os cinemas, que originou mais quatro sequelas lançadas entre os anos de 1970 e 1973.

Já no início do século 21, em 2001, o renomeado cineasta Tim Burton (Batman) decidiu, ao lado da Fox, fazer um remake do original da década de 60. Embora tivesse sido um sucesso comercial, o fracasso crítico do filme feriu a possibilidade de uma sequência.

Na última década, foi produzido então um reboot completo da franquia de ficção cientifica, com Wyatt a realizar o primeiro capítulo que estreou em 2011. A partir da sequela (2014), Reeves assumiu o cargo de realizador, e voltou ao comando para o terceiro filme (2017). Esta trilogia, que contou com Andy Serkis (O Senhor do Anéis) no papel do macaco Caesar, arrecadou mais de 2 biliões de dólares em bilheteira com um orçamento total de 570 milhões.

Related posts

Leave a Comment