Séries 

O Senhor dos Anéis – Primeira temporada da épica série de fantasia da Amazon custará quase $500 milhões

De acordo com o THR, o serviço de streaming Amazon Prime Video está no processo de “fazer história” com a adaptação televisiva de O Senhor dos Anéis (Lord of the Rings).

Depois de gastar 250 milhões de dólares com a adquirição dos direitos, foi agora confirmado que a plataforma irá “esbanjar” cerca de 465 milhões no orçamento da primeira temporada da série. O plano será ter (no mínimo) cinco temporadas com 8 a 10 episódios cada.

Sendo assim, o projeto tornar-se-á na produção televisiva mais cara de sempre, passando até os últimos anos de Game of Thronesdo canal HBO, que custaram em média US$ 100 milhões, e até as mais recentes série da Marvel Studios/Disney Plus WandaVision e The Falcon and the Winter Soldier, cujos episódios foram avaliados em 25 milhões cada um.

Com as gravações atualmente a decorrer na Nova Zelândia, a série está marcada para ser um prelúdio aos eventos da obra The Fellowship of the Ring (que dá início à saga literária e serviu de base para a longa-metragem de 2001).

Descrição oficial: “A vindoura série da Amazon Studios trará para os ecrãs pela primeira vez as lendas heróicas da Segunda Era da História da Terra-Média. Este drama épico será passado milhares de anos antes dos eventos de «O Hobbit» e «O Senhor dos Anéis», de J.R.R. Tolkien, e levará os espectadores até a uma Era onde os grandes poderes foram forjados, reinos elevados à glória e à ruína, heróis inesperados foram testados, a esperança segurou-se pelo fio de um cabelo e o maior vilão que alguma vez saiu da caneta de Tolkien fluía pelo mundo, cobrindo-o em trevas. Tendo início num período de relativa paz, a série segue um elenco de personagens, tanto familiares como desconhecidos, enquanto eles confrontam o tão temido surgimento do mal na Terra-Média. Das profundezas das Montanhas Sombrias, pelas majestosas florestas da capital dos Elfos de Lindon, à deslumbrante ilha de Númenor e até aos cantos mais distantes do mapa, estes reinos e personagens irão marcar o legado que viverá até muito depois de todos eles desaparecem.”

Ainda não existe uma previsão de estreia.

O elenco contará com atores como Robert Aramayo (Game of Thrones), Morfydd Clark (His Dark Materials), Markella Kavenagh (The Cry), Ema Horvath (Like.Share.Follow.)Maxim Baldry (Mr. Bean’s Holiday), e Joseph Mawle (Game of Thrones), entre outros.

A maioria dos papéis ainda não foram revelados, à exceção de Aramay, que dará vida a Beldor, um jovem herói que será um dos protagonistas da história, e da personagem de Clark, que será a responsável por interpretar uma versão jovem da Galadriel, um dos elfos mais importantes da Terra-Média e que foi vivida pela atriz Cate Blanchett na trilogia de filmes de Peter Jackson e nas três prequelas.

A dupla JD Payne e Patrick McKay (Star Trek: Beyond) serão os showrunners do projeto, liderando uma equipa que inclui nomes como: os argumentistas Gennifer Hutchison (Breaking Bad), Justin Doble (Stranger Things), Bryan Cogman (Game of Thrones), e produtores como J.A. Bayona (Jurassic World 2), Belén Atienza (The Impossible), Bruce Richmond (Westworld), entre muitos outros.

Publicados na década de 1950, os livros de fantasia escritos por J. R. R. Tolkien sobre a Terra-Média habitada por hobbits, elfos, anões, magos, homens e orcs já foram adaptados para os cinemas na trilogia dos anos 2000, pelo realizador Peter Jackson. Mais tarde, uma prequela, a franquia O Hobbit, também deu origem a três novos filmes, lançados a partir de 2012.

A produzir a série estará a Amazon Studios em parceria com a Tolkien Estate and Trust, e com a New Line Cinema, a subsidiária da Warner Bros. responsável pelas adaptações cinematográficas.

Podes começar a ver a trilogia clicando em O Senhor dos Anéis: A Irmandade do Anelou as prequelas – O Hobbit: Uma Viagem Inesperada.

Related posts

Leave a Comment