Filmes Marvel 

Spider-Man 3 – Ator Alfred Molina voltará a dar vida à versão do ‘Dr. Ock’ presente no filme de 2004

Numa recente entrevista com o Variety, o ator Alfred Molina foi questionado sobre a sua participação em Spider-Man: No Way Home, cuja estreia acontecerá no final do ano.

Até então, era esperado que Molina fosse interpretar uma versão alternativa de Dr. Otto Octavius, o vilão Doctor Octopus, tal papel que desempenhou em 2004 no segundo filme da trilogia original Spider-Man, do realizador Sam Raimi.

No entanto, o próprio revelou que o terceiro filme do Homem-Aranha vivido por Tom Holland continuará com a história desta encarnação do personagem apresentada em 2004.

“[A experiência] foi incrível. Foi muito interessante voltar ao mesmo papel 17 anos depois, sendo que, nestes últimos anos, ganhei dois queixos, rugas e costas desajeitadas.”, contou.

Molina perguntou ao realizador Jon Watts sobre como era possível Octavius regressar visto que, alegadamente, ele morreu no final de Spider-Man 2. Porém, o cineasta disse-lhe: “Neste universo, ninguém está realmente morto”, acrescentando ainda que No Way Home irá continuar com a história de Octavius depois “daquele momento no rio”.

Embora o realizador tenha esclarecido uma dúvida, o ator revelou ter continuado preocupado com os aspetos mais reais, como o facto de ele ter agora 67 anos: “[O Jon Watts] olhou para mim e disse, ‘viste o que fizemos com o Robert Downey Jr. e o Samuel Jackson?'”, disse, referindo-se aos efeitos visuais que o estúdio usou para rejuvenescer ambos os atores em Captain America: Civil War (2016) e Captain Marvel (2019), respetivamente.

Para além de Molina, é também esperado que esta nova longa-metragem da franquia reboot tenha o ator Jamie Foxx, que está confirmado no elenco, de volta à mesma versão do vilão Electro introduzido em The Amazing Spider-Man 2 (2014), do realizador Marc Webb.

Considerando estas informações e a possibilidade do multiverso ser explorado no filme, rumores foram levantados sobre a potencial aparição de Tobey Maguire e Andrew Garfield como as suas respetivas versões do Spider-Man. No entanto, a Disney/Marvel Studios não confirmou nada.

A terceira aventura a solo do Spider-Man dentro do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) está agendada para chegar aos cinemas no dia 17 de Dezembro.

O ator Tom Holland regressa à pele de Peter Parker/Homem-Aranha, liderando um restante elenco formado por Zendaya (MJ), Jacob Batalon (Ned), Marisa Tomei (May), Tony Revolori (Flash) e Benedict Cumberbatch (Doctor Strange).

Spider-Man 3: No Way Home marca um novo capítulo na parceria entre a Sony Pictures e a Disney/Marvel Studios, permitindo que o Homem-Aranha continue dentro do MCU – ler mais.

Esta renovada colaboração também parece permitir que a Sony integre o super-herói no seu próprio universo, o chamado Universo de Personagens Marvel da Sony (SUMC), onde se situam Venom e o futuro Morbius.

A Sony é a detentora dos direitos do personagem em cinema desde os anos 90, quando a Marvel Comics vendeu o aranhiço, e mais alguns outros personagens, para evitar falência. Após duas franquias live-action, a Sony voltou a dar reboot ao Homem-Aranha e decidiu então criar uma colaboração com a Disney/Marvel Studios para colocar o icónico personagem no Universo Cinematográfico desta (MCU).

Até então, Holland já deu vida a esta versão do personagem em cinco filmes, dois solo (produzidos pela Sony e Marvel): Spider-Man: Homecoming (2017) e Spider-Man: Far From Home (2019); e três participações em produções apenas da Marvel, que foi iniciada com Captain America: Civil War (2016) e passou por Avengers: Infinity War (2018) e Avengers: Endgame (2019).

Related posts

Leave a Comment